DIA DE POETIZAR: CASIMIRO DE ABREU

O poema meus oito anos de Casimiro de Abreu foi publicado em 1859 na obra as primaveras. Nesse poema o poeta relembra sua infância durante sua estadia em Lisboa com saudade de sua terra Natal. O poeta idealiza sua infância com bastante riqueza de detalhes visuais e de movimento merecendo assim, 1956, um dos mais belos curtas-metragens do pioneiro Humberto Mauro. Na voz do autor Paulo Autran o poema toma um tom surpreendentemente emotivo.

 

cassimiro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s